PUBLICIDADE
Jornalista denuncia radialista e acusa ele de ter assediado ela em São Luís
10/02/2018 - 15h26 em Notícias

Nesta semana, uma jornalista maranhense, que prefere não ser identificada, denunciou um caso de assédio que sofreu após entrar em contato com um radialista que teria se apresentado como recrutador de uma oferta de emprego que a interessava.

Após receber o anúncio da vaga pelas redes sociais, ela enviou o currículo para o radialista, que teria pedido o Whats App dela. A partir desse momento, ela alega que passou a ser assediada com a promessa de conseguir a vaga em troca de favores sexuais. “Ele me respondeu de forma nada profissional. Pelo teor da conversa, ele foi fazendo perguntas esdrúxulas, de teor altamente sexual”, afirmou a jornalista.

A insistência do homem fez a jornalista salvar as conversas e publicá-las nas redes sociais. Acreditando que, como o rapaz continuava a publicar a oferta de vagas, a mesma situação poderia se repetir com outras mulheres, ela decidiu denunciar.

Por meio de uma conta do Facebook, o radialista publicou uma nota de esclarecimento desmentindo o caso, que chamou de boato. Ele alega ter ficado sem celular durante os dias em que a conversa teria acontecido e que fez um boletim de ocorrência sobre o caso.

Por conta da denúncia e da repercussão do caso, a empresa onde o radialista trabalhava decidiu demiti-lo da função que exercia

O caso teve repercussão na internet e outras denúncias surgiram. Desde ontem (8), a Delegacia Especial da Mulher recebeu outras oito denúncias de assédio contra o radialista.

Sobre o caso, a coordenadora das delegacias das mulheres, Kazumi Tanaka, afirmou que o caso está sendo investigado.”Vamos levantar perícias, vamos produzir outras provas testemunhais. Ele vai ser ouvido. Então ainda é muito cedo para se tirar qualquer conclusão”, disse ela à TV Difusora.                                                                                                                                                                                                                                                           Fonte:MA10

 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Slides não definidos