OUÇA A RADIO
Médico envolvido no desvio de R$ 18 milhões da Saúde do Maranhão comete suicídio em Teresina
13/04/2018 06:19 em Notícias

O médico Mariano de Castro Silva decidiu tirar sua própria vida na noite de quinta-feira (12), na sua residência, localizada no bairro Ininga, em Teresina zona leste de Teresina.

Ele usou uma corda para tirar a própria vida.

Mariano,estava cumprindo prisão domiciliar, após ter sido alvo da Operação Pegadores, onde foi apontado como operador do esquema que desviou mais de R$ 18 milhões dos cofres da Saúde por meio de funcionários fantasmas e empresas de fachada.

De acordo  com a polícia o ex-diretor do Samu movimentou financeiramente cerca de R$ 31.441.448,10 milhões entre os anos de 2014 a 2016 como pessoa física.

Abandonado pelo grandalhões da politica , recentemente ele escreveu uma carta, em dos dos trechos ele escreveu“A culpa não pode ficar só comigo…”.

Antes de ser descoberto e preso o mesmo dirigia SAMU da cidade de Coroatá.

 No passado Mariano de Castro Silva também chegou a dirigir o SAMU de Timon. 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!