PUBLICIDADE
Assessor de deputado não paga conta de motel e vai parar na Delegacia de Polícia
10/08/2018 - 17h56 em Notícias

ma confusão em um motel às margens da BR-020, na região do Colorado, acabou na delegacia. A Polícia Militar foi chamada por volta das 21h dessa quinta-feira (9/8) após um grupo de dois homens e duas mulheres se negar a pagar a conta. Um deles se apresentou como assessor parlamentar.

De acordo com o gerente do estabelecimento, os quatro chegaram por volta das 7h no motel. Mais de 12 horas depois, a conta passava de R$ 1.450. Nesse momento, foi solicitado que o grupo fizesse o pagamento parcial para que continuasse no quarto. Os quatro se recusaram a acertar o valor.

Acionados, os policiais foram até a suíte. Um rapaz com sinais de embriaguez os recebeu. Ele se apresentou como assessor parlamentar, exibindo inclusive um crachá, no qual consta função em cargo de natureza especial (CNE). Ele disse que não faria o pagamento, pois não tinha pedido a conta. Tampouco desocuparia a suíte.

O homem passou a fazer ameaças aos policiais, se dizendo “poderoso” e com salário de R$ 10 mil por mês, ainda de acordo com informações da PM. Como não houve acordo, os policiais encaminharam o acusado e as duas jovens para a 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho). O outro rapaz foi liberado porque pagou a parte dele no motel.

Na DP, foi constatado que o acusado tem diversas passagens por não pagar contas em motéis. Na última ocorrência registrada, o prejuízo do estabelecimento foi de R$ 6 mil. O homem assinou mais um termo circunstanciado, no qual se compromete a comparecer em juízo, e foi liberado.

 

 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!