PUBLICIDADE
Uma dançarina do ventre é presa após performance sem calcinha

A performance da dançarina do ventre russa Ekaterina Andreeva, 31, pode ter convencido o público de uma casa noturna em Giza, no Egito, mas não a polícia local.

De acordo com o tabloide britânico Daily Mirror, Ekaterina acabou sendo presa após o vídeo com a dança viralizar e as autoridades constatarem que a russa subiu ao palco sem calcinha.

Gawhara, como é conhecida no meio artístico, foi presa sob suspeita de incitar os jovens à desobediência e à imoralidade.

 

"As regras para a performance da dança obrigam a artista a usar roupas íntimas de qualquer cor, menos bege. Gawhara não tinha nenhuma roupa debaixo e, claro, era provocativo", declarou o promotor Hatim Fadl.

 

Um amigo da dançarina explicou que a empresa que contratou a russa trabalha com advogados para solucionar a questão.

 

Ela foi liberada pelas autoridades ao pagar a fiança de pouco mais de R$ 935

 

Ao lado do marido, Ekaterina possui um estúdio de dança do ventre prestigiado em Moscou, capital da Rússia.

 

Alguns veículos egípcios informaram que ela não tinha autorização de trabalho e está temporariamente proibida de dançar.

Slides não definidos